Make your own free website on Tripod.com

UM MUNDO DE CINEMA, MÚSICA, TV E BANDA DESENHADA

Posters Tamanho Grande // Miniposters // Posters Originais Cinema // Fotografias 15x10cm // Fotografias 25x20cm// Photosets // Postais // Autocolantes // Pins // Portachaves// Livros de/e Sobre Cinema // Banda Desenhada

Bem vindo à nossa base de dados de filmes

FILMES

ITALIANO PARA PRINCIPIANTES

Título Original: Italiensk for begyndere

Ano: 2000

País: Dinamarca

Realizador: Lone Scherfig

    Actores:

  • Anders W. Berthelsen (Andreas)

  • Anette Støvelbæk (Olympia)

  • Peter Gantzler (Jørgen Mortensen)

  • Ann Eleonora Jørgensen (Karen)

  • Lars Kaalund (Halvfinn)

  • Sara Indrio Jensen (Giulia)

  • Argumento: Lone Scherfig

  • Director de Fotografia: Jørgen Johansson

  • Montagem: Gerd Tjur

  • Produção: Zentropa Entertainments

  • Data de Estreia: 02-08-2002

    Minutos: 118

    Resumo:

    Andreas, um jovem padre viúvo, chega aos subúrbios de Copenhaga para substituir o pároco local. JØrgen Mortensen é um recepcionista de hotel com problemas amorosos, que não tem relações sexuais com uma mulher há quatro anos e frequenta o curso de italiano. Olympia é uma rapariga charmosa, apesar de muito desajeitada, que trabalha numa pastelaria e sofre diversos traumas devidos à violência verbal do pai. Sonha em inscrever-se no curso de italiano, porque está convencida que a mãe é italiana. Olympia apaixona-se por Andreas e pouco depois a sua vida é surpreendida por um outro acontecimento. No funeral da mãe, a rapariga descobre que é irmã de Karen, uma cabeleireira (com uma mãe problemática) que se apaixona por Finn, um adepto da "Juventus", com uma história de tentativas goradas de corte de cabelo. Finn é empregado de mesa mas, quando é despedido, torna-se professor no curso de italiano. Giulia é uma italiana, com uma grande fé na Virgem Maria, colega de Finn no restaurante e tem uma paixoneta por JØrgen Mortensen. O curso de italiano vai funcionar para estas personagens frágeis e solitárias como uma espécie de catalisador que as conduzirá ao encontro do amor, vivido à típica maneira italiana



      Critícas dos visitantes do Site:





      Título do filme Nome do crítico Cidade Data da Crítica
      Italiano Para Principiantes João Pedro Machado Ermesinde 9/28/2002

      “ITALIANO PARA PRINCIPIANTES”, de Lone Scherfig CLASSIFICAÇÃO: **** (Muito Bom) Talvez não seja merecedor de tantas estrelas, mas, que querem?, faz o meu género de filme...! De qualquer forma, apesar de, admito, o argumento ser demasiado simplista e povoado por personagens estereotipadas, a verdade é que o filme cumpre, na perfeição, a sua função de entretenimento, estando asseguradas (por mim...) 2 horas bem-passadas. Quanto às interpretações, só há a dizer que todos os actores são fantásticos! Para finalizar, um comentário acerca do manifesto Dogma95, de que este filme faz parte: Antes de mais, declaro que não me incluo no grupo dos que abominam este movimento; é óbvio que eu não desejava que todo o cinema se tornasse assim, isento de quaisquer artifícios (tanto visuais, como auditivos – nos filmes Dogma95, não existe qualquer banda-sonora), filmado com a câmara ao ombro, com cortes, um estilo quase a simular o documentário; mas creio que os filmes que saíram do manifesto Dogma95 são obras com grande valor, que terão o seu lugar na História do Cinema, em especial o radical “Os Idiotas”, de Lars von Trier, o primeiro filme com o selo Dogma95, que, quando o vi pela primeira vez, não me agradou particularmente, mas, hoje em dia, estou convencido que a minha aversão/estranheza se deveu ao facto de o filme estar demasiado à frente do nosso tempo e sinto que se tornará um filme de culto. Este “Italiano Para Principiantes” não é tão fiel às regras do Dogma95, investindo mais na sua componente lúdica.







      Esperamos a vossa colaboração





      VOLTAR CRÍTICAS DE FILMES

      VOLTAR PAG. INICIAL