Make your own free website on Tripod.com

UM MUNDO DE CINEMA, MÚSICA, TV E BANDA DESENHADA

Posters Tamanho Grande // Miniposters // Posters Originais Cinema // Fotografias 15x10cm // Fotografias 25x20cm// Photosets // Postais // Autocolantes // Pins // Portachaves// Livros de/e Sobre Cinema // Banda Desenhada

Bem vindo à nossa base de dados de filmes

FILMES

  • Postais ---> Veja produtos relacionados com este filme à venda (Charlize Theron)

  • Postais ---> Veja produtos relacionados com este filme à venda (Charlize Theron)

    A MALDIÇÃO DO ESCORPIÃO DE JADE

    Título Original: The Curse of the Jade Scorpion

    Ano: 2001

    País: EUA/Alemanha

    Realizador: Woody Allen

      Actores:

    • WOODY ALLEN, C.W. Briggs

    • HELEN HUNT, Betty Ann Fitzgerald

    • CHARLIZE THERON, Laura Kensington

    • DAN AYKROYD, Chris Magruder

    • DAVID OGDEN STIERS , Voltan

    • WALLACE SHAWN, George Bond

    • BRIAN MARKINSON, Al

    • ELIZABETH BERKLEY, Jill

    • PETER LINARI, Joe Coopersmith

    • JOHN TORMEY, Sam

    • JOHN SCHUCK, Mize

    • KAILI VERNOFF, Rosie

    • MAURICE SONNENBERG, Empregado do Escritório

    • JOHN DOUMANIAN, Empregado do Escritório

    • PETER GERETY, Ned

  • ARGUMENTO, Woody Allen

  • PRODUTOR, Letty Aronson

  • PRODUÇÃO, DreamWorks SKG Gravier Productions Jack Rollins & Charles H. Joffe Productions Perido Productions Sweetland Films VCL Communications GmbH

  • FOTOGRAFIA, Zhao Fei

  • MONTAGEM, Alisa Lepselter

  • CASTING, Laura RosenthalJuliet Taylor

  • DIRECTOR DE PRODUÇÃO, Santo Loquasto

  • DIRECÇÃO ARTÍSTICA, Tom Warren

  • DECORAÇÃO, Jessica Lanier

  • GUARDA-ROUPA, Suzanne McCabe

  • MAQUILHAGEM, Eva Polywka Rosemary Zurlo

  • CHEFE DE PRODUÇÃO, Janice Williams

  • SOM, Gary Alper

  • Data de Estreia: 04-01-2002

    Minutos: 103

    Resumo:

    Nova Iorque. 1940. Betty Ann Fitzgerald (Helen Hunt) é contratada para modernizar a agência de seguros North Cost, onde trabalha o veterano investigador C. W. Briggs (Woody Allen). Fitz é perita em eficiência. Enérgica e ambiciosa, não hesita em declarar guerra às "instituições vigentes" e aos métodos obsoletos do "dinossauro" C. W. Briggs, que passa o dia a gabar-se do seu talento e a insistir que é o melhor investigador de seguros da cidade. Os dois odeiam-se e a troca de insultos acutilantes é constante -cada um pior que o anterior, para ver quem tem a última palavra. Para apaziguar os ânimos, Chris Magruder (Dan Aykroyd), o patrão da North Cost - e amante de Fitzgerald - insiste para que os dois participem numa festa de anos organizada por ocasião do aniversário de um colega de Briggs. Durante o serão, o mágico Voltan (David Ogden Stiers) hipnotiza-os com um escorpião de jade, cuja maldição vai enredar os dois inimigos confessos em aventuras recambolescas. Briggs, que se dizia capaz de descobrir qualquer falcatrua, penetrando na mente do ladrão, vê os seus pensamentos invadidos por um larápio que o manipula para uma série de roubos de jóias...

      Critícas dos visitantes do Site:





      Título do filme Nome do crítico Cidade Data da Crítica
      Maldição Do escorpião De Jade (A) João Pedro Machado Ermesinde 9/28/2002

      “A MALDIÇÃO DO ESCORPIÃO DE JADE”, de Woody Allen CLASSIFICAÇÃO: **** (Muito Bom) Sou um fã do Woody Allen, que era aliás o meu realizador preferido até a’ “O Misterioso Assassínio em Manhattan”, inclusive (o filme da minha vida continua a ser o “Ana e as Suas Irmãs”, realizado e escrito pelo Woody Allen), e até conhecer a obra de Eric Rohmer, que foi capaz de destronar o Woody Allen pós-“O Misterioso Assassínio em Manhattan” e tornar-se o meu realizador favorito. É terrível dizer isto, mas gostava mais do Woody Allen depressivo (mas sempre com humor), do que do Woody Allen nitidamente feliz (com a sua Soon Yi) dos últimos anos. Adorava a combinação do ambiente outonal com o humor. Ficou o humor; foi-se o ambiente outonal, foi-se a magia... Mas, objectivamente, o Woody Allen continua a ser um grande realizador e principalmente argumentista! Todos os anos, nos oferece um produto, com uma realização irrepreensível, um enredo inspirado e diálogos geniais! Este “A Maldição do Escorpião de Jade”, que entra no universo do “film-noir”, década de 40, é um filme que não fará parte da História do Cinema, mas é um excelente pequeno filme!



      Esperamos a vossa colaboração





      VOLTAR CRÍTICAS DE FILMES

      VOLTAR PAG. INICIAL