Make your own free website on Tripod.com

UM MUNDO DE CINEMA, MÚSICA, TV E BANDA DESENHADA

Posters Tamanho Grande // Miniposters // Posters Originais Cinema // Fotografias 15x10cm // Fotografias 25x20cm// Photosets // Postais // Autocolantes // Pins // Portachaves// Livros de/e Sobre Cinema // Banda Desenhada

Bem vindo à nossa base de dados de filmes

FILMES

K-PAX - UM HOMEM DE OUTRO MUNDO

Título Original: K-Pax

Ano: 2001

País: Alemanha, EUA

Realizador: Iain Softley

    Actores:

  • Kevin Spacey

  • Jeff Bridges

  • Alfre Woodard

  • Aaron Paul

  • Mary McCormack



  • Género: Aventura, Drama

    Minutos: 118

    Resumo:

    Kevin Spacey é um homem inofensivo detido na Gand Central Station. Jeff Bridges é psiquiatra num hospital público com falta de pessoal. Os seus caminhos cruzam-se quando a polícia entrega Prot (Spacey) ao Dr. Mark Powell (Bridges) depois de ele delicadamente os ter informado que a luz do planeta deles é demasiado forte para ele - muito mais brilhante que no seu distante planeta K-Pax. Powell já cuidou de muita gente perturbada durante a sua carreira, e acha que será apenas uma questão de tempo até conseguir pentrar a máscara de Prot. Prot conta-lhe que está encarregue de pesquisar factos e, pacientemente, explica-lhe como as suas experiência na Terra contrastam com a vida em K-Pax. Há muita coisa de que gosta, mas vai regressar a casa antes que o Verão termine. À medida que se aproxima a data da sua partida, cada vez mais doentes querem ir com ele, devido às suas descrições da vida no seu planeta a 1000 anos-luz. Os doentes pode estar interessados, mas o Dr. Powell é perseguido pela apreensão em relação a Prot e está determinado a usar todas as ferramentas à sua disposição para descobrir a verdade antes que seja tarde demais. Mas as ferramentas falham e Powell começa a duvidar de coisas que aceitou como certas toda a vida. A situação piora quando Prot é confrontado com um grupo de astrónomos cépticos que ficam perturbados com o que Prot parece saber. Poweel começa a perguntar-se se Prot poderá ser o que afirma. Tenta lutar contra a ideia, mas a sensação de que tem pelo menos de admitir a hipótese cresce de dia para dia. E continua os seus esforços para penetrar a máscara de Prot, enquanto se vai apercebendo também da impenetrabilidade da sua própria máscara e do pouco tempo que cada homem tem para descobrir quem é.