Make your own free website on Tripod.com

UM MUNDO DE CINEMA, MÚSICA, TV E BANDA DESENHADA

Posters Tamanho Grande // Miniposters // Posters Originais Cinema // Fotografias 15x10cm // Fotografias 25x20cm// Photosets // Postais // Autocolantes // Pins // Portachaves// Livros de/e Sobre Cinema // Banda Desenhada

Bem vindo à nossa base de dados de filmes

FILMES

A INGLESA E O DUQUE

Título Original: L'ANGLAISE ET LE DUC

Ano: 2001

País: França

Realizador: ERIC ROHMER

    Actores:

  • Lucy Russel - Grace Elliot

  • Jean-Claude Dreyfus - Duque de Orléans

  • François Marthouret - Dumouriez

  • Léonard Cobiant - Champcenetz

  • Caroline Morin - Nanon

  • Alain Libolt - Duque de Biron

  • Héléna Dubiel - Madame Meyler



  • Argumento - Eric Rohmer

  • A partir do romance "Ma Vie sous la Révolution", de Grace Elliot

  • Produtor - Françoise Etchegaray

  • Produtores Executivos - François Ivernel, Romain Le Grand, Léonard Glowinski

  • Produtores Associados - Pierre Rissient, Pierre Cottrell, Roland Pellegrino, Dieter Meyer

  • Director de Fotografia - Diane Baratier

  • 1º Assistente Operador - Florent Bazin

  • Som - Pascal Ribier

  • Montagem - Mary Stephen

  • Investigação Histórica - Hervé Grandsart

  • Décors - Antoine Fontaine

  • Guarda Roupa - Pierre-Jean Larroque, Natalie Chesnais

  • Cabelos - Annie Maradin

  • Maquilhagem - Jacques "Paillette" Maistre

  • Data de Estreia: 08-11-2002

    Minutos: 125

    Resumo:

    A história de uma bela aristocrata inglesa que vive em França durante a Revolução e da sua relação, ora tempestuosa, ora afectuosa, com Filipe, Duque de Orléans, primo do Rei Luís XVI, que é, apesar disso, um apoiante das ideias revolucionárias.



      Critícas dos visitantes do Site:





      Título do filme Nome do crítico Cidade Data da Crítica
      A Inglesa e o Duque João Pedro Machado Ermesinde 12/16/2002

      “A INGLESA E O DUQUE”, de Eric Rohmer

      CLASSIFICAÇÃO: **** (Muito Bom)

      Antes de mais, Eric Rohmer é o meu realizador preferido! Tenho, em video, quase todos os filmes dele e nunca me desiludiu! Classifiquei com menos de 4 estrelas apenas um filme dele: curiosamente, um outro filme de época – “A Marquesa de O” (***). Tenho alguma dificuldade em gostar de filmes de época. Dizem-me pouco... Todo o filme que retrate um tempo anterior à década de 60 do século XX terá que se esforçar mais para me agradar. “A Inglesa e o Duque” é um filme extraordinário! A sua acção localiza-se no final do século XVIII, no período de Terror da Revolução Francesa. Adapta o livro autobiográfico de Grace Elliott (“Le Journal de Ma Vie Pendant la Révolution Française”), uma inglesa da burguesia, que vive em França e que, ao defender a monarquia, se coloca contra o povo e, portanto, contra a revolução, escapando à guilhotina quase por milagre... As imagens são belíssimas! Eric Rohmer, nos seus 81 anos, serviu-se da tecnologia digital para criar cenários que parecem pinturas, sendo, ao mesmo tempo, convincentes como espaços onde circulam as personagens. O resultado é deslumbrante e inovador! Prefiro as suas obras mais lúdicas, mas não há dúvida que Rohmer não consegue falhar!





      Esperamos a vossa colaboração





      VOLTAR CRÍTICAS DE FILMES

      VOLTAR PAG. INICIAL